X
X

NEWSLETTER

Cadastre seus interesses e receba apenas os assuntos relacionados:

X
Nº de dias antes do ciclo menstrual % de amostras de mulheres grávidas que obtiveram resultados Positivos
1º Dia 98%
2º Dia 97%
3º Dia 88%
4º Dia 56%

Blog

Saúde no 1º trimestre da gravidez: Cuide bem da sua alimentação

27/06/2016

Muitas mulheres nem desconfiam, mas alguns sintomas das primeiras semanas podem indicar uma gravidez. Já no primeiro mês de gestação, podem ser sentidas náuseas matinais, alterações de humor, sono em excesso e muita vontade de urinar. É preciso ficar atenta aos primeiros sinais que o corpo manda para a mamãe, pois é na fase inicial da gestação que o bebê está se formando. Uma boa alimentação e hábitos saudáveis são essenciais para o desenvolvimento adequado do embrião, protegendo tanto a gestante quanto o bebê.

Para ter certeza da gravidez, é necessário realizar um teste seguro. Tendo um resultado positivo, o próximo passo é agendar uma consulta médica e iniciar o pré-natal. Mas se você está tentando engravidar ou desconfia que está gravida, o ideal é adotar desde já uma uma alimentação equilibrada e hábitos de vida mais saudáveis. 

O primeiro trimestre é um período que dura 13 semanas, começando a contar a partir da última menstruação. Nesta fase, a produção de hormônios da mulher se altera, a placenta começa a ser formada e o bebê desenvolve seus principais orgãos. Nesse período de desenvolvimento do feto, podem ser prevenidos muitos problemas que resultariam em abortos ou malformações.

Se antes de engravidar você não se preocupava muito com a alimentação, este é o momento de equilibrar melhor suas refeições. Se a mamãe possui carências nutricionais, isto pode comprometer o desenvolvimento do bebê. No primeiro trimestre, não é preciso comer mais do que antes de engravidar, mas é importante limitar a quantidade de guloseimas e variar os alimentos. A alimentação deve ser rica em ácido fólico, nutriente vital para o desenvolvimento do sistema nervoso do bebê. Este é um nutriente especialmente importante para fase inicial da gravidez, sendo indicado até mesmo antes da gravidez, quando ela é planejada. Os alimentos ricos em ácido fólico são: espinafre, feijão-branco, brócolis, laranja, repolho branco, fígado bovino, abacate, grão-de-bico, lentilha, escarola e pão de centeio. Em geral, combinado a uma alimentação rica, o médico costuma indicar a suplementação de ácido fólico e ela é facilmente encontrada em farmácias a um preço acessível.

Contudo, é preciso atenção quanto a vitamina A. Por conter retinol, essa vitamina em grandes quantidades pode intoxicar o bebê. Por isso mesmo, o uso de cremes dermatológicos que contenham ácido retinóico também devem ser suspensos. É sempre importante consultar um médico e um nutricionista, bem como fazer o pré-natal, pois assim você será acompanhada e terá as melhores indicações para suas necessidades nutricionais.

Também, deve-se evitar alguns tipos de alimentos, tais como peixes e frutos do mar crus, queijos com fungos e queijos feitos com leite não-pasteurizado, carnes malpassadas ou cruas, ovos crus, fígado e miúdos. Se houver histórico familiar de alergias, os alimentos que as causam devem ser evitados. Ainda, deve-se evitar o consumo de cafeína e eliminar o consumo de álcool e tabaco.



Quer saber mais? Acompanhe os temas sobre saúde na gravidez:

1º trimestre
Posso praticar exercícios físicos?
Doenças que precisam de atenção

2º trimestre
Hora de reforçar sua alimentação
Que exames devo fazer?
Faça atividades com amigas e a dois

3º trimestre
Nutrientes para o parto
O que muda no seu corpo
Exames que antecedem o parto

ÚLTIMAS