X
X

NEWSLETTER

Cadastre seus interesses e receba apenas os assuntos relacionados:

X
Nº de dias antes do ciclo menstrual % de amostras de mulheres grávidas que obtiveram resultados Positivos
1º Dia 98%
2º Dia 97%
3º Dia 88%
4º Dia 56%

Blog

Sinais que indicam a infertilidade masculina

09/11/2016

As dificuldades da infertilidade são vividas por muitos casais. Por vezes, o fato de não conseguirem uma gestação está associado à ambos, e outras vezes apenas à um dos dois. Assim como as mulheres, os homens também possuem problemas com a fertilidade. Disfunções na ejaculação, problemas hormonais, alteração no esperma e no tamanho do testículo podem levar à dificuldade de reprodução.

O diagnóstico da infertilidade masculina é de fato dado pelo médico após a realização de alguns exames, mas existem sinais que indicam a infertilidade do homem. Esses sintomas devem ser observados quando existe uma suspeita quanto a fertilidade masculina.

O tamanho e aparência dos testículos é um dos indicativos. Quando um deles é muito menor do que o outro, quando há uma massa visível em um deles ou, ainda, quando existem um amontoado de veias aparentes é um sinal de alerta. Além disso, dificuldade de urinar também indica algum problema nos testículos. Caso o problema sejam os hormônios, os testículos podem estar muito pequenos e macios. Os problemas que estão relacionados aos testículos geralmente dificultam a produção de esperma. Se, por exemplo, a temperatura está muito quente, o esperma morre. Assim, a fertilidade do homem acaba por ser comprometida.

Os problemas hormonais também afetam a fertilidade do homem e alteram alguns aspectos visíveis no corpo. A visão pode estar embaçada, podem ocorrer alterações vocais, insônia e irritabilidade, bem como ginecomastia (desenvolvimento da glândula mamária). Um desequilíbrio hormonal, em geral, interfere na produção de testosterona e esperma, tornando difícil a concepção.

Questões relacionadas à ejaculação apresentam sintomas como impotência e urina leitosa após a ejaculação. A urina leitosa, que tem aspecto esbranquiçado ou espumoso, é sinal de ejaculação retrógrada, onde o esperma não sai para fora do corpo, mas vai para a bexiga. Estes problemas causam infertilidade devido ao fato do esperma não chegar à vagina.

Ainda, deve-se ter atenção especial quanto às doenças sexualmente transmissíveis, pois elas eventualmente causam a infertilidade. Apesar da infertilidade não ser uma condição contagiosa, sua causa original pode ter sido. É importante estar atento a qualquer sintoma de uma DST e evitar completamente o contato sexual sem uso de camisinha.

Todos estes sinais apresentados indicam problemas de saúde que afetam a reprodução. Nestes casos, a recomendação é procurar um médico urologista e levantar um histórico de saúde do paciente. Com isso, será possível avaliar sua condição para reprodução e, caso seja necessário, implementar um tratamento apropriado.

 


Quer saber mais? Acompanhe os temas relacionados:

Hábitos que mantém a fertilidade masculina em alta
5 causas da infertilidade masculina
Qual a diferença entre fertilidade, infertilidade e esterilidade?

ÚLTIMAS