X
X

NEWSLETTER

Cadastre seus interesses e receba apenas os assuntos relacionados:

X
Nº de dias antes do ciclo menstrual % de amostras de mulheres grávidas que obtiveram resultados Positivos
1º Dia 98%
2º Dia 97%
3º Dia 88%
4º Dia 56%

Blog

5 coisas para organizar antes de engravidar!

11/08/2016
Muitas pessoas planejam a hora de engravidar, pois sabem que a chegada de um filho mudará para sempre suas vidas. Você está pensando nisso agora? Então confira a lista de 5 coisas que devem ser organizadas antes da gravidez e aproveite muito esse momento!

1. Seu pré-natal
Se você está planejando sua gravidez, comece a pensar num plano de saúde para o pré-natal e o parto. A maioria dos planos tem 10 meses de carência para a gravidez ou, quando a mulher já possuí um, tem o mesmo tempo para mudar sua categoria. Se você optar por um convênio ou plano, busque se informar sobre o que eles cobrem e se existe reembolso de algum valor. Veja cuidadosamente quais hospitais, médicos e exames estão inclusos. Ainda, existem maternidades particulares que possuem planos especiais para quem não tem plano de saúde. É legal que você se informe sobre elas e faça a melhor escolha para sua família. Lembre-se: todas as mulheres têm direito ao atendimento pré-natal pelo SUS. Procure conhecer os hospitais da rede de unidades básicas de saúde e entenda melhor como funciona o acompanhamento da gestante.

2. Sua vida financeira
Uma das primeiras preocupações de muitos futuros papais é a questão financeira. O planejamento incluí gastos e poupanças antes mesmo da gravidez acontecer. Consultas médicas, exames, roupas, reformas, móveis e fraldas são algumas coisas que estarão no orçamento. Além disso, vale a pena pensar em como vai ser a vida durante a licença-maternidade, principalmente para profissionais autônomos. Uma dica valiosa é aumentar a contribuição para o INSS e assim garantir um salário melhor para esse período. Vale lembrar que nem todos casais conseguem engravidar na primeira tentativa, então é legal fazer uma poupança que prevê acompanhamento médico durante o período de “tentante”. Ter o hábito que guardar um pouco de dinheiro todo mês é bastante positivo, visto que, desde os testes de gravidez até a faculdade, haverá muitos momentos oportunos de investir sua reserva financeira.

3. Sua casa
Outra coisa que precisa entrar no planejamento da gravidez é o espaço onde você irá morar com sua nova família. É preciso considerar se a região onde você mora é legal para criar um filho, se sua moradia possuí espaço para um quarto de bebê, se é viável realizar uma reforma ou se é preciso se mudar para outro endereço. Se você achar que precisa mudar para um lugar maior ou melhor localizado, é bom começar com antecedência – a hora é agora. Lidar com mudanças ou reformas durante uma gravidez é muito estressante e pode comprometer a qualidade de sua saúde.

4. Seu emprego
A chegada de um filho muda muito a vida de qualquer pessoa. E se esta é uma fase de preparação e mudanças, porque não pensar melhor no seu emprego? Se preparar para uma gravidez pode ser um bom motivo para reavaliar sua satisfação profissional. Você gosta do seu emprego? Gosta do que faz e está satisfeito com quanto ganha? Você terá flexibilidade para lidar com a gravidez e o nascimento do bebê ou esgotará seus níveis de estresse durante essa fase? Você que é homem, terá tempo de acompanhar sua parceira a consultas ou ficará fazendo horas extras inesgotáveis? A empresa costuma demitir mulheres após a licença maternidade? É importante colocar numa balança o que mais importa nesse momento, pensando na sua família, saúde e bem-estar.

5. Seus sentimentos
Como anda sua vida emocional? Você está com problemas no trabalho ou com seu parceiro? Alguma doença na família tem te deixado triste ou esgotado? Estar emocionalmente equilibrado é um fator importante para uma gravidez saudável e sem complicações. Depressão ou nível de estresse alto podem atrapalhar suas tentativas para engravidar. Um exemplo disso são aqueles casais que passam muito tempo tentando e acabam por viver sobre pressão. Porém, ao desistir de tentar, surpreendentemente a gravidez acontece de forma espontânea. Ficar bem consigo mesmo e com seu parceiro é mais importante do se pode imaginar! Portanto, invista na sua vida emocional. Uma dica: praticar exercícios físicos e aprender técnicas de relaxamento ajudam a manter seu emocional equilibrado.



ÚLTIMAS